Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 13ª SEMANA DE CIÊNCIA & TECNOLOGIA 2017 - CEFET-MG

Tamanho da fonte: 
DETERMINAÇÃO DO DESEMPENHO DE LINHAS DE TRANSMISSÃO FRENTE A DESCARGAS ATMOSFÉRICAS CONSIDERANDO UM MODELO DE INCIDÊNCIA RIGOROSO
Rafael Silva Alipio, Gabriel Abreu Matoso

Última alteração: 2017-09-05

Resumo


As longas extensões das linhas de transmissão (LTs) e a usual altura pronunciada de suas estruturas em relação ao solo determinam uma probabilidade elevada de incidência direta de descargas. De fato, segundo estatísticas das concessionárias de energia, as descargas são responsáveis por cerca de 70% dos desligamentos não programados dos sistemas de transmissão. Nesse sentido, a compreensão dos mecanismos determinantes dos desligamentos devido à solicitação por descargas pode subsidiar a definição de práticas adequadas de proteção para minimizar o número de desligamentos. O estudo de desempenho de linhas de transmissão frente a incidência direta de descargas atmosféricas compreende dois aspectos fundamentais: 1) Determinação da perspectiva do número de descargas incidentes na linha e indicação dos pontos de incidência mais prováveis, considerando-se o impacto em cabos de blindagem ou cabos fase; e 2) Modelagem dos elementos do sistema elétrico para, uma vez definido o ponto de incidência na LT, realizar a avaliação do transitório eletromagnético e determinar as sobretensões resultantes no sistema. O presente projeto tem como objetivo desenvolver ferramentas para lidar com o segundo aspecto acima mencionado, qual seja, cálculo do transitório eletromagnético resultante na linha quando da incidência de uma descarga atmosférica.

Palavras-chave


Descargas atmosféricas. Transitórios eletromagnéticos. Desempenho de linhas de transmissão.