Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 15ª Semana de Ciência & Tecnologia 2019 - CEFET-MG

Tamanho da fonte: 
UTILIZAÇÃO DE UMA METODOLOGIA TEÓRICO-EXPERIMENTAL NA SÍNTESE DE UM COMPOSTO ORGÂNICO INÉDITO
Walace Doti do Pim, Breno Rodrigues Lamagnere Galvão, Priscila Pereira Silva Caldeira, Jefferson Samuel dos Santos

Última alteração: 2019-09-23

Resumo


O desenvolvimento sustentável tem se tornado um tema de suma importância no contexto da Química, principalmente após a elaboração dos doze princípios da Química Verde.1 Dentre eles, encontra-se o princípio da prevenção, que tem por intento evitar a utilização excessiva de solventes tóxicos. Uma maneira de se evitar tal feito em dados experimentos, como a síntese de um composto, é o prévio planejamento da rota sintética. Nesse sentido, a Química Teórica Computacional se revela uma excelente ferramenta para o planejamento de certas rotas. Não obstante, a utilização de métodos computacionais permite, também, a realização de estudos mais acurados de propriedades físico-químicas, catálise,2 adsorção,3 dentre outras. Neste trabalho, foram realizados cálculos computacionais utilizando-se a Density Functional Theory (DFT) para prever a estrutura molecular e os modos vibracionais de um composto inédito denominado pyphe. Posteriormente, realizou-se a síntese desse composto reagindo-se a 1,10-fenantrolina-5,6-diona com a 2-aminopiridina. O sólido obtido foi purificado e analisado por espectroscopia na região do infravermelho. Os resultados teórico e experimental referentes aos modos vibracionais foram comparados, e sistemas de cristalização foram testados a fim de se obter um monocristal para análise por difração de raios X. Os cristais foram obtidos, mas, até o presente momento devido a dificuldades experimentais, não se efetuou a análise.

Palavras-chave


1,10-Fenantrolina-5,6-Diona. Pyphe. Teoria da densidade funcional.