Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 15ª Semana de Ciência & Tecnologia 2019 - CEFET-MG

Tamanho da fonte: 
INFLUÊNCIA DAS CARACTERÍSTICAS DO PROCESSAMENTO TÉRMICO NO COMPORTAMENTO MECÂNICO DE UM AÇO COM MICROESTRUTURA MULTIFÁSICA
Elaine Carballo Siqueira Corrêa, Bárbara Diniz Pena, Eduardo Antonio Pinto Dias

Última alteração: 2019-08-30

Resumo


A necessidade de conservação ambiental e de estruturas mais seguras em veículos automotivos levaram ao desenvolvimento dos aços TRIP, cujo desempenho está associado tanto à presença de microestrutura multiconstituída, com ferrita, bainita e austenita retida, como à transformação dessa em martensita durante a deformação plástica. Esse último fenômeno teria como resultado elevados níveis de taxa de encruamento, retardando o início da estricção e aumentando a capacidade de deformação do material. Isso significaria, em conjunto com a presença dos demais constituintes, resistência, ductilidade e tenacidade. Nesse contexto, no presente trabalho foram avaliados os efeitos de distintos processamentos térmicos, que gerariam diferentes microestruturas, nas propriedades mecânicas dureza, resistência mecânica e ductilidade e na capacidade de encruamento, fundamental para os processos de fabricação dos componentes usualmente fabricados com os aços TRIP. Foi observado que o limite de resistência diminuiu com a elevação do tempo de austêmpera, independente das características do tratamento térmico empregado, assim como a dureza. O alongamento uniforme, por outro lado, teve seu valores médios elevados. Em relação ao tipo de processamento, verificou-se que, mesmo considerando parâmetros de aquecimento intercrítico, temperatura de austêmpera e tempo de austêmpera iguais, a modificação da estrutura inicial da liga levaria a comportamento mecânicos diversos.

Palavras-chave


Processamento térmico. Comportamento mecânico. Microestrutura.