Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 15ª Semana de Ciência & Tecnologia 2019 - CEFET-MG

Tamanho da fonte: 
A ESCRITA DE SI COMO INSTRUMENTO DE VISIBILIDADE PARA OS TERCEIRIZADOS DO CEFET-MG
Nelson Nunes dos Santos Júnior, Claudio Humberto Lessa, Evandro Andrade Carneiro, Kenia Mara da Silva Chagas, Arthur Anderson Quadra Alves da Silva

Última alteração: 2019-09-12

Resumo


Este trabalho apresenta o processo de concepção e execução de um curso de escrita para trabalhadores terceirizados do CEFET-MG, Campus I. A proposta teve como objetivos incentivar a produção autoral desses funcionários, criar oportunidades de construção de conhecimento e estimular a prática da escrita. Buscou-se estabelecer condições e meios para incentivá-los a construírem seus próprios discursos na compreensão de que a capacidade de se comunicar afirma identidades, amplia horizontes ao mesmo tempo em que minimiza distanciamentos políticos e sociais no espaço acadêmico. A metodologia consistiu em: diagnóstico para sistematização de saberes; elaboração de material textual com ênfase em práticas que valorizem a produção escrita; oficinas para produção textual; dinâmicas para estimular interação entre os participantes e a prática da oralidade.Os resultados evidenciaram a necessidade desse tipo de intervenção para promover a integração entre pessoas e ampliar o alcance da produção de conhecimento para fora da sala de aula. O material produzido evidenciou que discursos veiculados em espaços não acadêmicos são legítimos e podem compartilhar experiências e metodologias. Concluiu-se que o curso possibilitou reflexão sobre identidades não reconhecidas no processo de construção do conhecimento pela reprodução de hierarquizações e discriminações que legam posições de privilégios para alguns em detrimento de lugares subalternizados e invisibilizados para outros.

Palavras-chave


Escrita. Invisibilidade. Terceirizados.