Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 26ª Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações

Tamanho da fonte: 
O Uso de RFID no Sistema de Controle de Entrada de Automóveis Em Estacionamento Privado
Gustavo de Lins e Horta, Ariana da Silva Cabral, Ana Paula Sales Esteves

Última alteração: 2016-09-05

Resumo


A tecnologia RFID (Radio-Frequency Identification) tem ampla aplicabilidade no cotidiano facilitando a identificação, o rastreamento e o controle do fluxo de pessoas, mercadorias e animais. Baseados no princípio de radiação eletromagnética, os sistemas RFID fazem uso de microchip (transponder) aliado a uma antena. Este microchip guarda os dados do item a ser identificado e assim que passa pelo campo de atuação da antena, ou seja, pelo campo de ativação eletromagnético envia seus dados para um leitor RFID. Um automóvel munido de uma tag de identificação que contém todas as suas informações adentra um estacionamento, por meio da tecnologia RFID aliada a sensores e arduíno acontece o pagamento automático da tarifa de ocupação e o acionamento imediato do sistema de iluminação do pátio. O principal objetivo é o controle de acesso a um estacionamento privado e a tarifação imediata após entrada do automóvel no local.

Palavras-chave


Controle de acesso, identificação, RFID

Referências


Glover, B.; Bhatt, H. "RFID Essentials". Sebastopol: O'reilly, 2006, 1ª edição,288p.

Xavier, A. P.; Coimbra, A. R.; Oliveira, S. S. T.; Rodrigues, V. J. S.; Vaz, T.R.; Freitas, L. A. "Ferramentas e técnicas para reduzir o custo de implantaçãode um sistema RFID". In: IV Simpósio RFID, 2009, 8p.

Atlas RFID Solutions Inc. “Atlas RFID solutions - Active vs Passive”. Capturado em: http://www.atlasrfid.com/Technology/ActivevsPassive.aspx, Agosto 2016.

R. de A. Silva. “Um Sistema de Auxílio à Localização de Etiquetas RFID em Ambientes Internos”, Universidade Federal de Pernambuco, 2008, 111p.

SAMPLE, A. P. et al. Design of an RFID-based battery-free programmablesensing platform. Instrumentation and Measurement - IEEE Transactions, p. 2608-2615, 2008.


É necessário inscrever-se na conferência para visualizar os documentos.