Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 28ª Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações

Tamanho da fonte: 
ALGEMA INTELIGENTE
John Kennedy Schettino Souza, Francisco Ermelindo de Magalhães, Henrique Soares Costa, Geovani de Araujo Junior, Gustavo Henrique Soares Oliveira, Jonas José Dias Neto, Luan Xavier Oliveira Campos

Última alteração: 2018-08-22

Resumo


A situação atual da segurança pública no Brasil é preocupante, o que se observa num aumento generalizado da violência. A proposta deste trabalho é melhorar, o método de contenção e monitoramento de um indivíduo após a execução de sua prisão pela autoridade policial. A Algema Inteligente reporta ao policial, por meio do celular, o afastamento do indivíduo em caso de tentativa de fuga. Durante a fuga o policial poderá avaliar a violação da algema, os batimentos cardíacos do indivíduo e atuar na inibição de fuga ou na prática de ações ilícitas. A contenção do indivíduo se dá por meio de choque de curta duração, sendo este procedimento monitorado com base nos parâmetros biológicos do indivíduo, que são coletados em tempo real pela própria algema e repassado ao policial. Todo procedimento da ação executada pelo policial fica registrado no celular. O policial deverá dispor de um telefone celular para receber as informações e atuar na algema, que será constituída de um módulo Bluetooth conectado ao microcontrolador. Integra também a algema um transformador de alta tensão para geração do choque e um sensor para captura dos batimentos cardíacos. Para validação do protótipo serão simuladas as bioimpedâncias características do tecido humano.

Palavras-chave


Segurança pública. Sistema microprocessado. Android. Taser