Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 29ª Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações

Tamanho da fonte: 
AEDEN: APLICATIVO PARA ALERTA E CONSULTA DO RISCO DE CONTAMINAÇÃO POR DOENÇAS TRANSMITIDAS PELO AEDES AEGYPTI
Gabriella Castro Barbosa Costa Dalpra, João Gabriel Rocha Silva, Lavínia Vieira de Oliveira, Letícia Pereira Silva, Marcos Vinícius Carvalho Amorim

Última alteração: 2019-08-24

Resumo


Estima-se que 3,97 bilhões de pessoas vivam em área de risco de transmissão da dengue, e, apesar dos esforços governamentais, como a inserção de agentes epidemiológicos, os índices de contração da doença são altíssimos todos os anos. As doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti (dengue, zika, chikungunya e febre amarela) têm causado grande transtorno na sociedade e demandado altos gastos com saúde pública, visto que o tratamento exige medicamentos diversos e infraestrutura hospitalar suficiente para acolher os pacientes. Tem-se como hipótese que, conhecendo o perigo de contaminação de uma área, pode-se tomar as devidas precauções, como o uso de repelente e calça, além de direcionar os locais para divulgação de medidas de prevenção pelo governo. Nesse contexto, o aplicativo AEDEN foi desenvolvido com o intuito de auxiliar no combate ao mosquito e na prevenção das enfermidades transmitidas por ele, fornecendo o risco de contaminação em regiões diversas através de um mapa interativo, ou em localizações previamente definidas pelo usuário. Para isto, o AEDEN possui um modelo matemático que descreve a dinâmica entre os indivíduos envolvidos na proliferação e desenvolvimento do Aedes aegypti e utiliza dados reais fornecidos por instituições confiáveis para obter a previsão do risco de contaminação.

Palavras-chave


Aplicativo. Aedes aegypti. Prevenção.