Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, 29ª Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações

Tamanho da fonte: 
MODA AFRO-BRASILEIRA
Ana Luíza Ferreira Braulio, Isabela Aparecida Ferreira Silva, Fernanda Rezende Sacchetto, Maria de Lourdes Couto Nogueira, Flávio Giarola

Última alteração: 2019-10-20

Resumo


O presente projeto foi proposto como trabalho de conclusão de curso, desenvolvido por um grupo de 6 alunos formandos do curso técnico de Produção de Moda em 2019. Assim, teve como tema geral a cultura brasileira e, a partir dele, foi escolhido um subtema: a Cultura Afro-brasileira. Então, foi criada a marca Akilá, que visa valorizar a mistura das duas culturas com elementos referentes à capoeira, às negras de tabuleiro, ao carnaval e ao Olodum, por exemplo. Para criar o nome da marca foi utilizado como inspiração o nome tecido Alaká, que possui origem africana, compõe a indumentária da roupa de baiana e está ligado às religiões afro-brasileiras. O logotipo foi criado a partir da junção do mapa do Brasil com o da África e suas cores foram escolhidas com base no significado. O amarelo é prosperidade, felicidade e criatividade. Já o rosa é juventude, energia e esperança. Para relacionar a palavra Akalá com o logotipo criado, modificamos para Akilá sendo o Aki o Brasil e o Lá a África. Após a criação da marca, foi criada a coleção Sincronia, com 126 looks, dos quais 7 serão produzidos e estarão presentes no desfile do dia 22 de novembro de 2019.

Palavras-chave


África. Cultura Afro-brasileira. Brasil.