Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, XI Semana de Ciência & Tecnologia 2015 - CEFET-MG

Tamanho da fonte: 
Avaliação espacial e sazonal da concentração de metais e metaloides em material particulado da Região Metropolitana de Belo Horizonte
Patrícia Rezende, Leonel Teixeira, Dayane Apolonio Carmo

Última alteração: 2015-08-04

Resumo


Este trabalho tem por objetivo estudar a composição inorgânica do material particulado (MP) atmosférico da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). O MP é um dos principais poluentes do ar e pode ser emitido por fontes naturais e antrópicas. Possui composição variável, englobando constituintes orgânicos e inorgânicos. Contamos com apoio da Gerência de Monitoramento da Qualidade do Ar e Emissões da FEAM (GESAR) da Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM) na coleta de amostras nas estações fixas de monitoramento da qualidade do ar do estado de Minas Gerais. Procedemos à decomposição por via úmida das amostras em meio ácido ou por solubilização alcalina para posterior uso de técnicas espectrométricas para quantificação das espécies inorgânicas presentes na amostra. Análises diretas de Hg foram conduzidas empregando-se um Analisador direto de mercúrio (DMA). Após a digestão das amostras em meio ácido, percebeu-se que os solventes utilizados podem ser eficientes na decomposição das amostras. Foram encontradas baixas concentrações de Hg nas amostras analisadas. Os resultados ainda apresentam um caráter preliminar, uma vez que se faz necessária a coleta e análise de um número maior de amostras, tratamento estatístico dos dados e comparação destes resultados com dados da literatura e recomendações da legislação vigente.

Palavras-chave


Química Ambiental, análise de traços, material particulado