Portal de Administração de Conferências - CEFET-MG, X Semana de Ciência & Tecnologia 2014

Tamanho da fonte: 
Utilização de Java em Aplicações Científicas Multithreads em Ambientes High Performance Clusters: aplicação à arquitetura Artífice
Henrique Elias Borges, Ronaldo Cruz Drumond Júnior

Última alteração: 2014-08-18

Resumo


Alguns dos temas atuais de pesquisa no âmbito do projeto ARTÍFICE são: estudar a emergência de grupos sociais de criaturas artificiais, o que requer a realização de simulações de grande porte envolvendo a participação de algumas centenas de criaturas e alguns milhares de objetos dispersos pelo mundo artificial. Em termos de processamento isso significa que o computador deve ser capaz de processar algo em torno de 100.000 threads de processamento simultaneamente. Uma única estação de trabalho não consegue realizar simulações desse porte. Torna-se, pois, imperioso que a arquitetura ARTÍFICE seja executada em um ambiente distribuído de High Performance Clusters (HPC) – eventualmente composto por centenas de processadores – com mecanismos que possibilitem alocação dinâmica de threads aos processadores do HPC, bem como a migração de threads entre estes nós processadores. O domínio e uso desta tecnologia não é algo trivial. Assim, neste projeto, foi proposto o desenvolvimento e implantação de um mecanismo de Single System Image (SSI) baseado no openSSI, um framework de código aberto que tem sido base para diversas iniciativas similares. No entanto, não tivemos sucesso na distribuição de threads de processamento com nenhum dos mecanismos de SSI de código aberto disponíveis.  Este resultado indica a necessidade de refatorar completamente a arquitetura Artífice, usando a linguagem de programação Scala, mais adequada para sistemas distribuídos.

Palavras-chave


High Performance Clusters. Sistema Distribuído. Arquitetura de software.